Geral

Geral
Publicidade

Cerimônia marca entrega de certificado e livro de poesias registrado com autoria dos alunos da rede municipal

Cerimônia marca entrega de certificado e livro de poesias registrado com autoria dos alunos da rede municipal



A Prefeitura de São Francisco de Itabapoana (SFI) abriu as portas desde 2018 para o projeto realizado pela Associação Raízes em parceria com a Petrobras, intitulado “Navegando na Poesia”. Graças à iniciativa coletiva, na tarde desta sexta-feira (26), 45 crianças da rede municipal de ensino, entre o 3º e 5º ano, receberam certificados e um kit contendo seis livros de poesias registrados na Câmara Brasileira do Livro, sendo um de autoria dos selecionados do município.


“Umas das prioridades da prefeita Francimara é estimular e promover o desenvolvimento da educação em SFI. Por essa razão, quando a prefeitura recebeu o projeto na cidade, sabia quão importante seria para o desempenho dos alunos da rede municipal de ensino. Todos estão de parabéns”, ressaltou o vice-prefeito Raliston Souza.


A cerimônia aconteceu no salão Ana Festas, no Centro, e contou com a participação de secretários, subsecretários, vereadores, diretores de departamentos e de escolas da Secretaria Municipal de Educação e Cultura (SMEC), que na ocasião auxiliaram na entrega da premiação aos alunos.

“Navegando na Poesia” teve como objetivo promover o acesso à leitura e à escrita por meio de atividades lúdicas como oficinas pedagógicas, contação de histórias, jogos teatrais, entre outros. O evento encerra as atividades do projeto, que atuou no município durante dois anos.


Segundo a coordenadora do projeto, Rachel Carvalho, os alunos também receberam máscara e uma cesta de lanches contendo, biscoitos, doces, waffer, bolachas e diversos outros produtos, além de creme dental e escova de dente. “Os itens trazem uma contextualização com as atividades produzidas, porque reforça os desejos que eles expressavam, seja na escrita ou em desenhos”, detalhou.


Na ocasião, a SMEC também contribuiu na premiação com uma bolsa para os participantes contendo tintas guache, giz de cera, colas coloridas, canetas, lápis, borrachas e um caderno de desenho. Segundo o secretário da pasta, Renato Cunha, todo o trabalho valeu a pena.


“Mesmo com as dificuldades, por conta da pandemia nos últimos meses, tudo foi superado. O livro registrado é prova do resultado positivo. Quero destacar, inclusive, um fato interessante que presenciei em uma das atividades em campo do projeto realizado no litoral da cidade, onde alguns alunos de Muribeca relataram que nunca tinham visto o mar pessoalmente. Foi um momento emocionante. Em breve iremos formular ações para também eternizar momentos como esses às crianças”, falou.


Antes de encerrar a cerimônia, o poeta Roberto Acruche recitou “Moça Bonita” e “Saudade” e o também poeta Paulo Roberto Cunha, diretor do Departamento de Cultura, criou versos para homenagear o projeto através do poema “Também navego na poesia”.

Depoimentos – A estudante Emanuelle Ferreira, 11 anos, demonstrou muita felicidade e falou de seu poema desenhado. “Eu me sinto muito feliz por participar desse projeto. Foi muito bom. Desenhei um oceano em forma de líquido de refrigerante porque para mim o mar é algo que simboliza o infinito e eu associei ao que gosto”, comentou.


Emocionado, o aluno Heycke Cesar Carneiro de Oliveira, 11 anos, apresentou sua percepção. “Eu achei bem legal o projeto. Sem contar que a gente também se orgulha de saber que somos autores de um livro de poesia”, disse. Os pais do aluno, o marítimo Helder Cesar Ferreira e a agente comunitária de saúde Silvana Carneiro parabenizaram o trabalho dos professores. “Isso abre novos horizontes para nossos filhos”, revelou Helder.


Organização – Para receber bem os alunos, mantendo os critérios de prevenção à Covid-19, a SMEC organizou as sete escolas participantes em grupos de dois para a chegada e recebim

por possuir o maior número de estudantes selecionados.


Todas as escolas foram atendidas pelo coletivo da secretaria. Todos obrigatoriamente deveriam usar máscara de proteção facial. Na entrada possuía álcool em gel e canetas individuais. No intervalo, entre a mudança dos grupos, membros da SMEC reorganizavam e esterilizavam as cadeiras para a próxima equipe utilizar.


Participaram do evento os secretários de Pesca, Alcemir de Souza (Teté), de Governo, Jairo Batista, e de Turismo, Indústria e Comércio, Márcio Calixto. Também os subsecretários de Trabalho e Desenvolvimento Humano, Luiz Cesar Cerqueira (Sorriso), e de Governo, Sandro Alencar, além dos vereadores Alexandre Barrão, Milsinho e Flor de Guaxindiba.


Fonte: Portal oficial SFI

Nenhum comentário

Publicidade

Publicidade

Destaque

randomposts

Anuncie

Publicidade
PUBLICIDADE 300X250
Publicidade